Enquanto isso, na fila do banco…

Final de mês chegando e as visitas ao banco se tornam mais freqüentes. Sem muito que fazer, numa grande fila de espera, comecei a observar o que acontecia ao meu redor. De repente, me deparei com um adesivo do símbolo de acesso bem no meio de um pilar. Fiquei me perguntando o que aquilo ali estava querendo sinalizar. Será que tinham mudado a posição dos móveis e se esqueceram de arrancar o adesivo de lá?

E o tempo passava e nada de entender o sentido daquilo. Foi então que achei outro adesivo escondido e então entendi! O adesivo estava indicando o local reservado para a fila de idosos, gestantes e deficientes. O problema todo é que a fila era de poltronas. Uma ao lado da outra, ocupando todo o espaço. E o cadeirante, onde fica? A única resposta que me veio à cabeça foi: no meio do caminho, perto das outras filas.

Outra questão interessante sobre bancos é a da porta giratória. Já pararam pra pensar como um cadeirante faz para entrar num local com porta giratória? O jeito é acessarem as agências de bancos através de uma porta reservada, que geralmente fica trancada e deixa a pessoa horas esperando do lado de fora, até que alguém se disponha a abrí-la. O lado bom disso é que eles ficam livres da situação chata e embaraçosa de serem barrados pelo segurança, terem que tirar tudo da bolsa, e descobrirem que foi um clips que fez a porta travar!

     

Comentários

Comentários

11 comentários em “Enquanto isso, na fila do banco…

  • quarta-feira, 4 de junho de 2008 em 10:16
    Permalink

    yes!!!;) isso mesmo!! o banco onde eu vou tbm existe a porta giratoria e a porta reserva……. alias existe duas portas giratorias e duas portas reservas….. duas que vão para onde ficam os caixas eletronicos que por sinal tem um que existe o simbolo para cadeirante por ser mais baixa que os outros caixas… mas a visibilidade nao é muito boa devido o "ar" do sol que pega de cheio na tela…..¬¬ ninguém merece, preciso ficar pedindo ajuda de alguém que trabalha lah pra efetuar minhad operações… ahhh e outras duas portas….. soh que pra dentro do banco em si mesmo pra falar com o gerente e talz……..esse eu tenho que pedir para algum guarda abrir a porta reserva…. enquanto que a outra reserva que vai para os caixas eletronicos.. fica aberta direto =)….. mas antes nao ficava ¬¬…….é aquela neh… precisa algo para que funcione.. ou seja comecei ir lah e eles agora deixam aberto…. HAHA…..¬¬ asuheuheai

    Resposta
    • quarta-feira, 4 de junho de 2008 em 10:16
      Permalink

      Olá Franklin,Realemente é bem incoveniente ter que ficar pedindo ajuda para fazer as transações. Mas com paciência é possível conseguir o que deseja! E quem sabe, conversar com o gerente e solicitar uma mudança! Abraço, Gabriella

  • quarta-feira, 4 de junho de 2008 em 10:19
    Permalink

    ahhh estava esquecendo… =P e questão de fila eu nao tenho praticamente……..posso furar a fila =) e a funcionaria que atende…..a parte de pagamentos e tals fica num balcão mais baixo tbm que tem um simbolo para cadeirantes =D

    Resposta
    • quarta-feira, 4 de junho de 2008 em 10:19
      Permalink

      … essa é a parte boa dos contratempos!

  • quarta-feira, 4 de junho de 2008 em 20:17
    Permalink

    Na agência Itaú onde mantenho conta para recebimento de salário, não posso usar o caixa eletrônico, nem mesmo o " supostamente" adaptado p/ cadeirantes, pois há necessidade de se digitar senhas na tela, que sempre está numa altura incompatível com quem usa cadeira de rodas.

    Toda a minha movimentação bancária (inclusive, recebimento de salário) é feita mediante o uso de cheques.

    Ai de mim se precisar de dinheiro durante um fim de semana ou um feriado bancário!

    Eduardo Aranha Luz.

    Resposta
    • quarta-feira, 4 de junho de 2008 em 20:17
      Permalink

      Olá Eduardo,Quem será que fiscalizou a implantação dessas máquinas acessíveis inacessíveis? rs! Você tocou em um ponto bem interessante, a necessidade de ir a um caixa eletrônico para umanecessidade, isso dá papo até para um novo post: Bancos 24hs acessíveis, será que exite? Abraço, Gabriella

  • sábado, 7 de junho de 2008 em 02:17
    Permalink

    tenho uma pra contar a respeito disso:

    depois de passar muita raiva do lado de fora do banco, esperando a boa vontade do gerente vir me abrir aquela porta lateral, descobri q conseguia passar com a cadeira pela porta giratória. Daí, um dia cheguei ao banco na hora de maor movimento e resolvi esperar o fluxo diminuir pra eu poder passar. Aí, como sempre, veio uma senhora me "informar" (pq será q as pessoas acham q defs nunca conhecem seus direitos?) q eu deveria entrar pela porta lateral, só q ela não apenas me "informou", ela me escoltou até lá, dizendo: é por aí q vc tem q entrar, já tem "unzinho" lá dentro.
    E eu tentava, sem sucesso, explicar q eu conseguia passar pela porta giratória. Ela não só não me dava ouvidos, como, qd eu tentava voltar pra fernte do banco, ela me barrava o caminho e me punha de volta no lugar onde ela achava q eu devia estar. E sempre dizendo: fica aí q já tem "um" lá dentro.

    cont.

    Resposta
  • sábado, 7 de junho de 2008 em 02:23
    Permalink

    Bem, depois de muito tentar e ouvir sobre o tal "unzinho" q já tava lá dentro, eu xplodi, né..

    Eu disse: "um" o que, minha sra? um cliente do banco como a sra? um cidadão q tem seu dinheiro no banco como a sra?

    dizendo isso, forcei a passagem e completei: me dá licença pq eu vou entrar por onde eu quiser…e passei por ela entrando pela famigerada porta giratória.

    Lá de dentro ainda olheipra trá a tempo de ver a velha do lado de fora espantada de boca aberta….rs

    Resposta
  • sexta-feira, 13 de junho de 2008 em 18:15
    Permalink

    Essa semana acompanhei meu marido, q é cadeirante, ao BRB – Banco de Brasilia, a fila preferencial era como vc disse uma fila de cadeiras, só havia espaço para a cadeira na lateral.
    Esperamos exatos 28 min para sermos atendidos, só havia um caixa preferencial e não entendi pq, muito mais alto q os outros caixas, da latura do peito de uma pessoa em pé!
    O atendimento dele foi super demorado pq a caixa para fazer a divisão do valor por 2 teve q recorrer a outro fucionário!?!?!?!?!?
    Claro q as outras pessoas da fila reclamaram, Eu disse para a caixa q poderia haver mais de uma caixa preferencial e a moça vira na maior cara de pau e diz: eu acho q ter um já é muito. Pode????? EU disse q eles tinham o direito de reclamar, q existe a lei da fila q prevê o tempo máximo de espera de 30 min ou o banco pode ser multado. Resposta: ah, existe é? Não conheço.
    Que criatura é essa?

    Resposta
  • sexta-feira, 13 de junho de 2008 em 18:16
    Permalink

    Essa semana acompanhei meu marido, q é cadeirante, ao BRB – Banco de Brasilia, a fila preferencial era como vc disse uma fila de cadeiras, só havia espaço para a cadeira na lateral.
    Esperamos exatos 28 min para sermos atendidos, só havia um caixa preferencial e não entendi pq, muito mais alto q os outros caixas, da latura do peito de uma pessoa em pé!
    O atendimento dele foi super demorado pq a caixa para fazer a divisão do valor por 2 teve q recorrer a outro fucionário!?!?!?!?!?
    Claro q as outras pessoas da fila reclamaram, Eu disse para a caixa q poderia haver mais de uma caixa preferencial e a moça vira na maior cara de pau e diz: eu acho q ter um já é muito. Pode????? EU disse q eles tinham o direito de reclamar, q existe a lei da fila q prevê o tempo máximo de espera de 30 min ou o banco pode ser multado. Resposta: ah, existe é? Não conheço.
    Que criatura é essa?

    Resposta
  • sábado, 14 de junho de 2008 em 00:29
    Permalink

    tb já ouvi de funcionários de banco q ignoram essa lei q estipula o máximo de 20 min de espera nas filas.

    outra coisa q não me entra na cabeça é o significado q sedá
    à palavra prioridade, se a fila destinada ao atendimento preferencial, por ser só uma, anda muito mais deagar q as demais. Prioridade seria se o cliente chegasse e fosse atendido no primeiro caixa q ficasse vago.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Connect with Facebook

Pin It on Pinterest