Cubo para cadeira de rodas ganha prêmio de design

Mais uma vez, o Mão na Roda vai à estrada. Desta vez o restaurante analisado foi a Casa do Alemão, na rodovia Washigton Luis, Km 13 (Direção Rio de Janeiro).

O local possui uma vaga reservada sinalizada e situada próxima à entrada. A rampa, como vemos na foto ao lado, possui uma inclinação razoável, mas sem corrimão lateral. Dependendo da necessidade, o cadeirante precisará de uma mãozinha.
Toda a área interna possui um único nível, com piso regular, corredores largos e mesas com altura adequada para entrar com a cadeira.
 
O banheiro unissex é adaptado, possuindo um único contratempo: uma pequena rampa com inclinação acentuada e piso emborrachado logo na sua entrada. O cadeirante pode ter dificuldades para entrar e para  fechar a porta, que abre para fora. Mas o que não falta é boa vontade dos atendentes sempre disponíveis a ajudar. De qualquer maneira, sugerimos a colocação de barras que funcionariam como corrimão, para ajudar no acesso independente.

Nosso conceito para a Casa do Alemão foi "Bom". É uma boa opção de parada, para quem pegar a estrada. Recomendamos a visita!

 

 • • •

Pontos positivos: Pontos negativos:

• Estacionamento no local
• Acesso com rampa
• Banheiro unissex acessível
• Espaços internos amplos, com piso regular e no mesmo nível 
•  Mobiliário adequado

• Pequena rampa no interior do banheiro com inclinação acentuada
• Rampa de acesso ao restaurante sem corrimão

Avaliação: Bom

• • •

Restaurante Casa do Alemão
Rodovia Washington Luiz, Km 13 – Duque de Caxias – RJ
Tel: (21) 2676-1499
http://www.casadoalemao.com.br  casadoalemao@casadoalemao.com.br

Eduardo Camara

Se não está viajando, está pedalando. Muitas vezes, fazendo as duas coisas ao mesmo tempo.

2 thoughts on “Cubo para cadeira de rodas ganha prêmio de design

  • 26 de junho de 2008 em 17:31
    Permalink

    OI Eduardo, ótima essa notícia, se tiver mais notícias sobre isso avise mesmo.

    Mudando um pouco de assunto. Vc q mora no Rio, como frequentar a praia com a cadeira? Nem sempre tem gente na praia para ajudar, tem muitos lugares com praias praticamente desertas, as minhas preferidas. Já sugeri até q meu marido compre uma cadeira de praia, mas as q já vi não são nada práticas, precisam q alguém empurre, o q pode ser bem dificil em areia fofa. Alguma sugestão?

    Resposta
    • 26 de junho de 2008 em 17:31
      Permalink

      Oi Miriam!Frequentar praia sem ajuda aqui no Rio é um pouco difícil… Existe uma cadeira de praia da Tokleve (www.tokleve.com.br) que anda bem na areia fofa, mas ela é ENORME! Uma dica é comprar duas daquelas esteiras de praia, feitas de palha. Com a ajuda do seu marido, vocês podem ir estendendo uma depois da outra e aí fica bem mais fácil de tocar a cadeira por cima delas. Uma solução semelhante está sendo usada pela prefeitura na praia do Leblon, mas não sei exatamente em qual ponto. Se tiver mais alguma dúvida, não hesite em perguntar! Abraços, Eduardo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *