Amigo Oculto

imagem ilustrativa - caixa de presentes e interrogações ao fundoFinal de ano é sempre uma loucura: festas, confraternizações, compras e… amigo oculto. Umas das coisas mais curiosas que aconteceu comigo após a lesão foi participar de um amigo oculto. Antes da cadeira, a pessoa que tinha me tirado sempre me descrevia com frases do tipo: "meu amigo oculto é uma pessoa super legal, animada, alegre, inteligente, ‘metxida"(rs!)’ e blá, blá, blá.

Após a lesão, independente do grupo em que esteja e de quem tenha me tirado, sempre começam com: "meu amigo oculto é uma pessoa suuuuuuuuper ‘especial’…" Sério! É impressionante! Nos últimos 8 anos isso tem acontecido, e esse ano não foi diferente. Acho até divertido. Fico só esperando alguém começar a descrição e já sei que sou eu. Minha deficiência me tornou “especial”. Pode ser que algum dia me engane, e a descrição comece diferente. Aí vou ficar com cara de boba e me divertir. Mas nos últimos anos tem acontecido assim.

E com vocês? Algo semelhante acontece?

8 thoughts on “Amigo Oculto

  • 15 de dezembro de 2008 em 19:05
    Permalink

    te confesso que eu não participava do amigo secreto no anos anteriores, já pensando nisso que vc escreveu, mas esse ano será o primeiro (não consegui escapar)… semana que vem eu te conto como foi!

    Resposta
  • 17 de dezembro de 2008 em 00:06
    Permalink

    Não são apenas as "pessoas com necessidades especiais" vítimas do adjetivo "pessoa super especial". Mãe de caeirante também sofre.

    Resposta
    • 17 de dezembro de 2008 em 00:06
      Permalink

      Concordo Ivone, minha mãe escuta cada uma… E diria mais, meu namorado também. Não é raro as pessoas o verem comigo e falarem o quanto ele é especial. Aliás, isso dá um post, rs. Bjs, Cris.

  • 17 de dezembro de 2008 em 12:16
    Permalink

    E qdo as pessoas dirigem-se a nós dizendo:Fulano é um exemplo de pessoa,guerreiro,e blabla.

    Resposta
    • 17 de dezembro de 2008 em 12:16
      Permalink

      É Leandro, infelizmente algumas pessoas ainda tem dificuldade em ver que levamos uma vida normal, sem heroísmos. Bjs, Cris.

  • 21 de dezembro de 2008 em 18:33
    Permalink

    oi! voltei!
    como prometido, vim contar como foi meu primeiro amigo oculto (aqui em samopa é "secreto") e por incrível que pareça foi tudo super natural! eolha que a pessoa que me tirou é nova de empresa … Acho que no meu caso por já estar quase 7 anos no mesmo ambiente de trabalho, as pessoas já entendem que a minha convivência junto a eles é algo bem "normal". Talvez isso seja uma prova de que o contato mais direto mostra que as coisas são muito menos complicadas.

    (ps: eu ganhei uma camiseta do corinthians!).

    Resposta
    • 21 de dezembro de 2008 em 18:33
      Permalink

      Oi Christian ! Que bom que correu tudo tranquilo no amigo secreto ! E pelo jeito ganhou um presentão, hein ? Bom saber que a convivência entre você e seus colegas é bem tranquila. Obrigada por ter nos contato como foi ! Bjs e bom Natal ! Cris.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *