Cadeiras de rodas do futuro (será?)

Não sou lá muito ligada em tecnologia. Diria que sou quase pré-histórica nesse sentido. Pra mim celular é apenas um telefone móvel, nunca consegui usar todos os extras que ele tem, com exceção do despertador. MP3 player, Ipod, e outros gadgets definitivamente não fazem parte da minha rotina. Mas mesmo assim gosto de saber o que tem de novidade por ai. E procurando por novidades tecnológicas relacionadas a cadeira de rodas, achei coisas bem interessantes. Algumas nem são tão novas assim, tem 2 ou 3 anos, mas pra mim ainda parece novidade. 

Cadeira de rodas Trekinetic K2A Trekinetic K2 foi desenvolvida pelo designer Mike Spindle que trabalhou por muitos anos em carros de Fórmula 1 e criou essa cadeira de rodas, que tem três rodas – duas grandes na frente que podem utilizar pneus mountain bike – e uma menor atrás. Diz que as rodas possuem uma curvatura fácil de ser ajustada de modo que a cadeira pode ficar mais fina para passar em portas ou mais larga – e mais estável com curvatura de 24 graus – para atividades ao ar livre. A cadeira ainda vem equipada com guarda-chuvas. Achei bem legal, mas me parece ser últil apenas para atividades radicais. Ok, andar no centro da cidade por ser considerada uma atividade radical, mas fico imaginando fazer curvas em lugares mais apertados e entrar em banheiro com essa cadeira. Se alguém quiser mais detalhes o link para o site é: http://www.trekinetic.co.uk/reviews.htm. Só achei em inglês. 

Cadeira de rodas i-Real da ToyotaA Toyota criou essa cadeira chamada i-Real. Ela funciona com bateria, tem 3 rodas. Pelo que li, tem boa estabilidade, mais segurança que uma cadeira de rodas comum e tem chances de vir a ser comercializada. Achei o design bem moderno, mas sinceramente não parece muito confortável e fico imaginando como seria circular com um dessas por ai, entrar numa loja ou supermercado onde tudo é apertadinho. Já pensou?

Essa cadeira é a Superfour. Possui motor híbrido, tração nas quatro rodas e suspenção independente. Achei até bonitinha, mas acho que tem o mesmo problema da outra: como circular com ela em lugares menores? Alguém se lembra de uma novela que tinha um cara chamado Volponi e vivia numa bolha? Essa cadeira me lembrou um pouco esse personagem.

Se essas cadeiras são realmente funcionais e se vão ser comercializadas eu não sei. Mas acho que todo esse investimento e tecnologia vão sempre trazer benefícios. Se compararmos as cadeiras que existem hoje com as de 15-20 anos atrás já vemos uma enorme diferença no peso, desempenho e design. Agora é aguardar para ver as inovações que vem por aí.

Comentários

Comentários

4 comentários em “Cadeiras de rodas do futuro (será?)

  • quinta-feira, 18 de junho de 2009 em 14:01
    Permalink

    To tentando te imaginar dentro da Cadeira-Bolha-do-Volponi… hahahahahahahaha…. O dia que você comprar uma cadeira dessas eu compro esse carro: http://en.wikipedia.org/wiki/Toyota_i-unit pra andarmos juntas…
    Mas é bom saber das novidades…
    Beijinho!!!

    Resposta
    • quinta-feira, 18 de junho de 2009 em 14:01
      Permalink

      Esse povo não tem mais o que inventar, né? rs. Bjs, Cris.

  • terça-feira, 14 de julho de 2009 em 19:24
    Permalink

    eu só queria saber pq esse povo não inventa simplesmente um transporte mais leve q um automóvel, do tipo desse último modelo aí, mas que comportasse uma cadeira de rodas…às vezes não precisamos de um automóvel, nas apenas um meio de transporte que transponha buracos ou paralelepípedos ou subir rampas mais altas, e muitas vezes um simples passeio pelo bairro se torna inviável só com a cadeira pura. Com um veículo assim, poderíamos ir à padaria, ao mercadinho, sem precisar entrar com a geringonça toda.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Connect with Facebook

Pin It on Pinterest