Desafio!

Esse post é curto e vai para os leitores não cadeirantes do nosso blog! Quero ver quem agüenta ficar pelo menos um mês, vivendo sua vida normalmente, trabalhando, saindo com os amigos, mas respeitando algumas simples regrinhas:

– Se você for convidado para ir a algum local com escadas e sem elevadores ou rampas, deverá ser carregado escada acima e escada abaixo. Não importa se a escada for estreita, em caracol ou se for tarde da noite e seus amigos já estiverem bêbados. Nada de usar os próprios pés.

– Caso o seu local de trabalho não possua um banheiro adaptado, você não poderá usar nenhum outro. Se você tiver sorte e tiver um banheiro adaptado por perto, poderá usar somente esse. Não importa se ele está cheio de material de limpeza ou se está ocupado na hora que você estiver mais apertado. Vai ter que esperar.

– Nada de passar por portas mais estreitas que 70 cm. Olha que ainda estou dando uma colher de chá! Tem cadeiras que só passam em portas mais largas. Se a porta for mais estreita que 70 cm, você não entra no local, ok?

– E por último, quando sair com os amigos, se o local escolhido não possuir banheiro adaptado, azar o seu! É isso aí! Bebeu pra caramba e precisa com urgência fazer xixi? Vai ter que segurar até chegar em casa.

E aí? Vai encarar?

Comentários

Comentários

20 comentários em “Desafio!

  • quarta-feira, 2 de setembro de 2009 em 12:59
    Permalink

    Ameeeei esse post! Já mandei pra quase todo mundo da minha lista de emails, dando os devidos créditos ao blog, é claro.
    Bora ver quem topa essa! hauahauaha
    Beijão!

    Resposta
    • quarta-feira, 2 de setembro de 2009 em 12:59
      Permalink

      Hahahaha! Boa idéia Mila! Vamos ver quem topa! beijos, Bianca

  • quarta-feira, 2 de setembro de 2009 em 13:29
    Permalink

    Desafio aceito …rs
    Bem, na realidade… em julho desse ano, passei pela experiencia, de ficar 2 semanas numa cadeira de rodas (detalhe, nas minhas férias, e em Roma!).
    Enfim… rompi o ligamento do joelho, lá, e decidi deixar p/ operar no Brasil…com isso, ganhei uma imobilização que ía da coxa ao tornozelo… e cadeira de rodas…
    Nossa…foi uma experiencia e tanto. Com certeza, as minha férias inesquecíveis mudaram a forma de como eu vejo o mundo!
    Tenho muitas histórias incríveis, dessa experiencia, que agora, parecem engraçadas, mas na hora… foi realmente um grande desafio….

    Resposta
    • quarta-feira, 2 de setembro de 2009 em 13:29
      Permalink

      Oi Cassia, uma pena vc ter passado por tudo isso, mas imagino que as histórias tenham virado engraçadas depois. E parabéns por vencer nosso desafio! hehehe! beijos, Bianca

  • quarta-feira, 2 de setembro de 2009 em 14:22
    Permalink

    Incrível quando vc sistematiza as dificuldades. É exatamente isso e mais um pouco, ou muito mais! A gente sai de casa fazendo pensamento positivo, para todas as peças se encaixarem. Ou então, mela tudo… estraga o passeio e o humor.

    Resposta
    • quarta-feira, 2 de setembro de 2009 em 14:22
      Permalink

      Oi Jaqueline, sei que a lista de dificuldades é muito maior do que essa aí do post. Até que eu fui boazinha, né? Na vida real, é uma logística e tanto que precisamos fazer a cada minuto! E infelizmente, por mais que a gente se esforce, tem mesmo algumas vezes que o humor vai embora… beijos, Bianca

  • quinta-feira, 3 de setembro de 2009 em 11:36
    Permalink

    Esqueci de um detalhe IMPORTANTISSIMO tb (pelo menos pra mim, já que tenho intestino e bexiga com "vontade propria", rs):
    Experimente ir num rodizio (japones, mexicano, churrascaria.. qq um), comer q nem um louco (quem não exagera estando num lugar desse?!) e ter que contar com a boa vontade dos já citados orgãos… pois então, caso a vontade aperte, não poderá correr até o wc mais proximo, nem usar qq um… tem q achar um adaptado!
    Esse é mais um desafio.. rs

    Resposta
    • quinta-feira, 3 de setembro de 2009 em 11:36
      Permalink

      Hihihi! Ótimo, Ricardo! Rodízio é batata! beijos, Bianca

  • quinta-feira, 3 de setembro de 2009 em 17:25
    Permalink

    Até agora, nenhum dos meus amigos se manifestou acerca dos desafios.
    Fracos.

    Resposta
    • quinta-feira, 3 de setembro de 2009 em 17:25
      Permalink

      Bando de bunda moles, hein? Se alguém se manifestar, nos avise! beijos, Bianca

  • sexta-feira, 4 de setembro de 2009 em 00:32
    Permalink

    Topo, e com uma cadeira de rodas… Sério.

    Resposta
    • sexta-feira, 4 de setembro de 2009 em 00:32
      Permalink

      Opa! Um primeiro corajoso! Já tem a cadeira? Valeu, Gustavo! beijos, Bianca

  • sexta-feira, 4 de setembro de 2009 em 01:15
    Permalink

    Não,rs… Um mês sem sair de casa, meu prédio tem uma rampa enorme da garagem, e os funcionários não vão querer me ajudar (sou grande em altura e largura!) e não vão entender que raios faço eu numa cadeira de rodas se não sou cadeirante, rs!!!

    Resposta
    • sexta-feira, 4 de setembro de 2009 em 01:15
      Permalink

      Desistiu assim tão fácil??? Poxa… :(beijos, Bianca

  • domingo, 6 de setembro de 2009 em 01:55
    Permalink

    Não desisti! Tenho que arranjar a cadeira, rs!
    Bjs

    Resposta
  • quinta-feira, 10 de setembro de 2009 em 14:17
    Permalink

    Bianca
    Conheçi o Blog atraves de um video que vi, no mesmo dia entrei e passei o dia todo lendo.
    Venho aqui para deixar os parabens, pois como não tenho deficiência nenhuma, não tinha noção que a vida pode ser normal para quem tem ou não algum tipo de deficiência.

    Resposta
    • quinta-feira, 10 de setembro de 2009 em 14:17
      Permalink

      Oi Claudia! Só agora vimos seu comentário… Bem, espero que você volte aqui mais vezes! Sobre o vídeo, fiquei curioso: que vídeo foi esse? Abraços, Eduardo.

  • quinta-feira, 17 de setembro de 2009 em 18:35
    Permalink

    Essa turma toda vai estar neste domingo dia 20 na orla de Copacabana a partir das 10:00 no posto 5?

    Resposta
    • quinta-feira, 17 de setembro de 2009 em 18:35
      Permalink

      Oi Paulo! Infelizmente não pudemos comparecer, pois estávamos viajando. Mas soube que foi um sucesso! Abraços, Eduardo e Bianca

  • domingo, 9 de janeiro de 2011 em 13:35
    Permalink

    Olá
    Gostaria de me comunicar com Paulo Naidin
    Seria possível?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Connect with Facebook

Pin It on Pinterest