Esportes e Lazer

Reportagem sobre Handbike

16

Tô falando que esse é o ano para o esporte deslanchar no Brasil… O pessoal do programa Stadium, da TV Brasil, fez uma matéria fantástica sobre handbike que foi ao ar no último domingo. Eu, Nickolas e Edson – que fez sua própria handbike – aparecemos no vídeo que vocês conferem aqui embaixo!

E no mesmo domingo conheci o João Sabóia, que se amarrou na handbike e fez um excelente vídeo da bichinha passando pelo arpoador. Vale a pena assistí-lo!

Sobre o autor / 

Eduardo Camara

Se não está viajando, está pedalando. Muitas vezes, fazendo as duas coisas ao mesmo tempo.

Artigos relacionados

16 Comentários

  1. Fabiola terça-feira, 15 de fevereiro de 2011 em 09:57 -  Responder

    Muito bom Eduu …
    Passear de handbike é demaisss….
    Pena que ainda não consegui fazer ajustes na minha que ficasse perfeita!!! Mas to tentando.. rs
    Bjs

    fevereiro 17th, 2011 - 10:33
    Eduardo Camara respondeu:

    Fabíola, corre atrás disso! Tenta levar numa loja de bikes ou na Dream Bike (www.dreambike.com.br) pro cara fazer as adaptações. Dá pra fazer um furo no quadro e chegar o banco pra frente. É moleza!!!

    Beijos!

  2. Luisa quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011 em 01:50 -  Responder

    Adoooreeei Edu. Até eu, que sou andante, fiquei com vontade de dar um “rolé” de handbike!

    fevereiro 17th, 2011 - 10:35
    Eduardo Camara respondeu:

    Luisa, na Europa tem até competição de andantes em handbikes! É viciante!!!

  3. elionier domingo, 6 de março de 2011 em 16:52 -  Responder

    meu filho é cadeirante e assistimos a reportagem na TV Brasil sobre o handbike, só que comprar um na loja está fora das nossas possibilidades, seria possivel voce nos dizer como podemos entrar me contato com o Edison que fez a sua propria. Parabéns pelo blog.
    Meu filho Samuel nasceu com paralisia cerebral, cognitivo preservado, formou em psicologia e acabou de passar num concurso publico p psicologo do CRAS (não escreve e faz provas orais). Escrevi um livro da nossa historia, cujo nome é: “Mãe, por que nasci assim?”.

    março 9th, 2011 - 20:42
    Eduardo Camara respondeu:

    Oi Elionier! Vou passar o contato do Edson por e-mail. De repente ele consegue fazer uma adaptação para o seu filho. E muito legal o seu livro!

    Abraços!

  4. Severino quarta-feira, 9 de março de 2011 em 14:59 -  Responder

    isso é muito bom!

  5. Ricardo Monteiro quinta-feira, 28 de abril de 2011 em 20:57 -  Responder

    ola, tudo bem?

    Eu sou o Ricardo, tenho parelesia cerebral, e vou fazer agr 20 anos, e começei a praticar HANDBIKE, e adoro bastante.
    Eu adorava entrar num clube e entrar em provas, campeonatos e ate ir aos paraolimpicos, mas nao sei de clubes para disponibilizaram uma HANDBIKE nem para esta actividade nem de provas.
    pode-me ajudar?
    responda para o meu e-mail?
    cumprimentos

    abril 29th, 2011 - 13:20
    Eduardo Camara respondeu:

    Oi Ricardo,

    De qual cidade vc é? Normalmente os clubes não fornecem bikes. Talvez a única exceção seja o Clube de são José dos Campos.

    Abraços!

  6. carlos armando sábado, 17 de dezembro de 2011 em 18:50 -  Responder

    Olá, Eduardo.

    Assisti a matéria sobre handbike e quero parabenizá-lo pelas atividades que desenvolve.
    Sou deficiente e já pratiquei basquete e mergulho (não profissionalmente, somente apnéia) e tenho me interado sobre o handbike.
    Observei que sua hand é de um modelo diferente da que foi avaliada pelo nikolas em uma outra matéria (nitidamente mais leve). Quero saber se a que foi avaliada tem potencial para uso esportivo ou apenas para lazer.
    Grato.

    dezembro 18th, 2011 - 15:18
    Eduardo Camara respondeu:

    Opa, Carlos! Em primeiro lugar, digo que a handbike é viciante e você vai adorar qualquer uma delas. E sim, essa nacional pode ser usada para esporte e dá para ser competitivo com ela em provas aqui no Brasil. No último campeonato brasileiro, na categoria H3, o primeiro lugar da prova de contra-relógio usava uma dessas e bateu um outro que usava uma bike top de alumínio. Resumindo: o atleta importa muito mais que a bike! Abraços e boas pedaladas!

  7. carlos armando segunda-feira, 19 de dezembro de 2011 em 15:12 -  Responder

    Valeu, Eduardo!
    Obrigado pela atenção e certamente em breve nos encontraremos pessoalmente nas pistas!
    Bom natal, bom inicio de 2012!!
    Que o próximo ano continue sendo de superação de barreiras e conquista de mais espaço profissional, social e pessoal!

  8. Associação Cristã dos Deficientes terça-feira, 27 de março de 2012 em 09:47 -  Responder

    Olá, parabéns pelo blog!
    Gostariamos de saber como fazemos para adquirir a handbike importada. Se há algum site que vocês nos indicariam para fazer a compra.
    Obrigado!

  9. Marivaldo segunda-feira, 6 de agosto de 2012 em 03:24 -  Responder

    olá bom dia!

    prezado amigo sou cadeirante faço corrida de rua não tenho patrocinadores.

    minha condiçoes financeira não permite comprar uma hand bike a preço de loja.
    gostaria de saber se é possível consegui uma hand bike a preço de custo?
    se possível o contato do edson q fez a dele própria.

    espero contar com seu apoio.

    desde já grato.

    agosto 6th, 2012 - 12:46
    Eduardo Camara respondeu:

    Anota o e-mail dele: Edson1434@oi.com.br

    Abraços!

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão indicados com *

Connect with Facebook

Publicidade

Facebook