Hotéis e Pousadas, Locais visitados, Viagens e Turismo

Punta Cana

17

Praia Bávaro em Punta Cana. O pontinho à esquerda no mar é o autor do texto.

Tava doido para fazer uma viagem de praia e ficava pensando para onde poderia ir. Como nunca tinha ido à America Central e Caribe, foi ali que concentrei minhas buscas e acabei decidindo por conhecer Punta Cana, na República Dominicana.

Por que Punta Cana? Posso dizer que boa parte da decisão partiu da foto acima, da lindíssima praia que se chama Bávaro. Claro que a boa estrutura de hotéis (acessíveis!) e a quantidade de vôos disponíveis para o lugar também ajudaram. Fica difícil relaxar em algum lugar quando ele não é acessível e eu sempre prefiro gastar meu suado dinheirinho em um lugar que pense em mim.

Para chegar em Punta Cana não há vôos diretos do Brasil, mas há uma infinidade de opções. Optei pela mais rápida delas, um vôo da Copa Airlines com conexão no Panamá que demora, no total, 10h e pouco. Saí do Rio numa sexta-feira às 1:30 da manhã e antes das 11h da manhã de sábado já estava em Punta Cana.

Com sorte você pega um quarto com essa vista. Com dinheiro, pega até um com vista limpa para o mar!

Algo importante que eu digo para todo cadeirante que vai viajar é: esteja preparado para alguns perrengues, pois eles acontecem! Os banheiros adaptados do aeroporto de Punta Cana são bem mais ou menos e não há  finger no desembarque, então você vai ter que ser carregado ao sair do avião. Se topa encarar isso então vá, pois vale a pena!

Mas pelo menos, ao contrário do aeroporto do Panamá, que parece uma rodoviária vagabunda e tem o menor banheiro adaptado que já vi, o aeroporto de Punta Cana é  bastante simpático, causando uma boa impressão a quem chega. Desembarcando, furei a fila para pagar a taxa de turista (US$ 10) e passar pela imigração. Detalhe importante: guarde a etiqueta da sua mala, pois aqui foi um dos poucos lugares do mundo onde a pediram na hora de sair com a mala.

No aeroporto há placas indicando onde ficam os táxis e quando você chegar lá vai ter um monte de taxista  oferecendo o serviço. Mas não se preocupe: ao contrário do Rio de Janeiro, onde os taxistas do aeroporto são picaretas, em Punta Cana o preço é tabelado, fica à mostra e ninguém vai tentar te dar um golpe. Há serviço de transporte particular adaptado na cidade, mas quem está disposto a receber uma ajudinha pode pegar os táxis comuns mesmo, que são enormes (quase todos são vans) e carregam cadeira e tralhas sem problemas. Os taxistas e os Dominicanos, em geral, são muito simpáticos. Eles têm o jeito informal e brincalhão do brasileiro, mas sem a maldita malandragem. 

O quarto é espaçoso, bem decorado e tem uma banheira de hidromassagem na varanda.

Fiquei hospedado em um dos muitos resorts all-inclusive de Punta Cana, onde a diária dá direito à encher a pança e encher o pote durante a hospedagem. Após muita pesquisa, o escolhido foi o Barcelo Bávaro Palace Deluxe, que tem bom custo/benefício e diversos quartos adaptados para cadeirantes. Tudo bem que no primeiro dia os caras tiveram um problema com a reserva e tive que usar um quarto convencional, mas graças ao bom espaço e à minha cadeira diminuta, não tive grandes problemas. No dia seguinte, peguei um dos quartos adaptados, que era muito bom! Para ficar perfeito, só se o chuveiro não tivesse o (perigoso) vidro no box e o banquinho fosse um pouco mais baixo.

O banheiro só não é perfeito por causa do blindex no chuveiro e do banquinho, que poderia ser mais baixo.

As áreas comuns do hotel também são bastante acessíveis. Há rampas, elevadores e banheiros adaptados por todos os lados. Além disso, e os funcionários são bastante solícitos. Há diversas atividades para os hóspedes, além de quadras de esporte, campo de golfe e  piscinas enormes. Nas piscinas não há uma rampa que facilite a entrada na água, mas há degraus dentro delas que facilitam quebram o galho na entrada e saída. Há ainda espreguiçadeiras dentro da água que são uma delícia e passei bons momentos esticado nelas, bebendo muita marguerita e torrando ao sol. Aliás, quando o sol estava muito forte, a dica era pular para uma das choupanas que ficavam à beira da piscina e tirar uma confortável soneca, claro que regada a mais margueritas 🙂

A piscina é ótima para fazer brincar com a GoPro ou relaxar e tomar uns “bons drinque”.

E é óbvio que, com aquele marzão lindo, não tinha como ficar o  tempo todo na piscina, né? Então, rumo à praia!

A praia do resort se chama Bávaro, e é considerada a melhor de Punta Cana para banho. Água limpa, calma e bem clara, Bávaro é um paraíso! E o grande barato desse resort é que ele fica bem no final da praia, ao lado de uma área mais deserta e excelente para pegar um sol sem gente por perto. Para as meninas, é o point para curtir um topless. Para nós, cadeirudos, há rampas que levam até a areia fofa. De lá, será necessário pedir uma ajuda para, pelo menos, chegar ao trecho com areia dura, onde é possível até tocar a cadeira se você for fortão ou, como eu, se ACHAR fortão. Outra alternativa é usar uma Freewheel, pois infelizmente não vi cadeiras anfíbias por lá… 

Esse canto da praia me conquistou! É mais deserto e ótimo para relaxar.

À noite, havia algumas opções de diversão como casino, boate, shows de mágica e cia, mas para mim os “bons drinque” já bastavam. Tente escolher os que são feitos à base de rum!

A única coisa que achei que ficou devendo foi a comida. O café da manhã era legal, mas o almoço era um buffet bem mais ou menos. No jantar havia diversas opções de restaurantes à la carte (com pratos do dia) e nesses a comida era  melhor, mas apenas uns dois (de um total de seis) tinham comida realmente boa. 

A comida não é lá essas coisas, mas os drinques valem a pena!

Sobre o clima, Punta Cana tem sol o ano todo e a dica é viajar em meados de abril ou maio, quando começa a baixa temporada e chove pouco. Já para os solteiros com 20 e poucos anos, a boa  é ir durante o Spring Break, período em que os universitários americanos costumam migrar para o México e Caribe com o intuito de acasalar freneticamente. Se você  pesquisar bastante, consegue comprar passagens por um bom preço e reservar hotéis all inclusive por preços bem mais em conta do que os do nordeste do Brasil. Também vale ficar ligado nos sites de compra coletiva, pois volta e meia aparecem promoções de viagem para Punta Cana. 

Enfim, o lugar é muito bonito, tem ótima infraestrutura de hotéis e vale uma visita!

Para quem quiser ver mais fotos, é só clicar na galeria 😉

Sobre o autor / 

Eduardo Camara

Se não está viajando, está pedalando. Muitas vezes, fazendo as duas coisas ao mesmo tempo.

Artigos relacionados

17 Comentários

  1. Renan quarta-feira, 8 de agosto de 2012 em 13:22 -  Responder

    p/ quem quiser uma praiana no Brasil mesmo recomendo Itacaré e ficar nesse hotel: http://www.aldeiadomar.com/
    sempre rola promoção desse hotel no peixe urbano
    é bom estar de carro pra conhecer itacarezinho… é uma praia próxima com banheiro adaptado e serviço de bar.. além de ser paraíso..

    trocou de cadeira Dado??

    agosto 8th, 2012 - 13:51
    Eduardo Camara respondeu:

    Excelente dica, Renan! Não topa fazer um post?

    E a cadeira é nova sim. Troquei por uma ZR com 35cm de largura. 🙂

  2. Eduardo Merli Morais quarta-feira, 8 de agosto de 2012 em 14:32 -  Responder

    Fala Dado!

    Achei excelente!! Quais bebidas são inclusas?

    Abraços!!

    outubro 2nd, 2012 - 22:37
    Eduardo Camara respondeu:

    Fala, Du! Todas as bebidas… Mas o forte mesmo são os drinques à base de rum. Abraços!

  3. Renan quarta-feira, 8 de agosto de 2012 em 17:14 -  Responder

    topo man… mas como tenho que fazer? eu escrevo e mando pra vcs?

    outubro 2nd, 2012 - 22:38
    Eduardo Camara respondeu:

    Renan, escreve e manda pro meu e-mail pessoal ou pro do blog! Abraços!

  4. Laura Martins sábado, 11 de agosto de 2012 em 16:24 -  Responder

    Oi, Dado! Adorei sua viagem!

    No Caribe, os cadeirantes também podem curtir Aruba com muito conforto. Estive lá recentemente, e no hotel onde fiquei tem cadeira anfíbia. Os posts estão no meu blog, e o primeiro está aqui, caso queira conferir: http://cadeiravoadora.blogspot.com.br/2012/05/aruba-para-cadeirantes.html

    Não acho que o Aeroporto do Panamá parece uma rodoviária vagabunda. Talvez sua conexão tenha sido muito rápida e não tenha dado pra percorrer o espaço à procura de um banheiro melhor.

    O Aeroporto de Tocumen é imeeeenso, tem um free shop maravilhoso, que na verdade é uma cadeia de lojas, e há vários banheiros adaptados. Tudo depende do terminal em que vc estava… Mas dá pra sair e procurar outro banheiro, pois um não fica tão longe do outro.

    Ah! Adorei a hidro nos quartos! Sensacional!

    Abração

    outubro 2nd, 2012 - 22:40
    Eduardo Camara respondeu:

    Oi Laura! Desculpa pela demora em responder. Também gostei muito dos seus posts sobre Aruba. Excelentes!!!

    Sobre o aeroporto, de repente estivemos em terminais diferentes mesmo. Talvez tenha alguns mais novos do que os outros, mas o que eu usei (na ida e na volta) era muito caidinho mesmo, pior do que o Galeão. Eu estive pouquíssimo tempo no aeroporto (30 minutos) e realmente não explorei muito…

    Abraços!!!

  5. Erika segunda-feira, 7 de janeiro de 2013 em 17:19 -  Responder

    Oi achei muito legal seu post… Tbm quero pegar baixa temporada… Queria saber se vc pegou chuva e quantos dias???
    Pegou sol??? e que datas vc foi ? Li um post que diz que Maio começa as chuvas… Pode me responder no meu e-mail??? Obrigada no aguardo

    janeiro 7th, 2013 - 17:54
    Eduardo Camara respondeu:

    Oi Erika! A baixa temporada começa depois de 10 de abril, se não me engano. Peguei um dia de chuva apenas, mas mesmo assim fez sol no mesmo dia. E em outro dia estava nublado. Acho que chuva só pinta por lá em setembro… Se for em abril ou maio, deve pegar bons preços e tempo bom!

  6. Liasi de Camargo Duarte terça-feira, 29 de janeiro de 2013 em 00:00 -  Responder

    Meu marido e cadeirante. Estamos com vontade de passar uma semana em Punta Cana. Gostei muito de suas dicas. E possível usar as espreguiçadeiras da piscina? E fácil de entrar? Os restaurantes são bons? Qual hotel que você ficou? Obrigada, Liasi

  7. otoniel quinta-feira, 21 de março de 2013 em 14:49 -  Responder

    oi, Eduardo!
    Eu quero ir a Punta Cana em Agosto, viajar para passar a lua de mel. Gostaria de Saber se nesse mês o tempo é bom e se você tem alguma dica em especial.
    obrigado.

    março 22nd, 2013 - 18:55
    Eduardo Camara respondeu:

    Oi Otoniel! De maio a outubro a temperatura é alta, mas chove mais. De agosto à outubro vc corre o risco de furacões e tempestades tropicais. Pode ser que você pegue tempo bom, mas definitivamente não é a melhor época para ir.

    Abraços!

  8. otoniel segunda-feira, 25 de março de 2013 em 09:30 -  Responder

    muito obrigado!!!

  9. Thais terça-feira, 9 de julho de 2013 em 11:37 -  Responder

    Olá! Vou viajar para Punta Cana agora em julho queria saber se é um clima bom e se chove muito neste mês , e se ocorre risco de eu pegar furacões ou tempestades tropicais !
    Obrigada !!

  10. luiz silveira domingo, 1 de setembro de 2013 em 20:23 -  Responder

    Oi Eduardo. Obrigado pelas dicas e parabéns pela maneira leve, descontraída e inteligente de redigir.
    Um abraço e boas viagens.

  11. luiz silveira domingo, 1 de setembro de 2013 em 20:35 -  Responder

    Oi Eduardo. Obrigado pelas dicas e parabéns pela maneira leve, descontraída e inteligente de redigir.
    Um abraço e boas viagens.
    PS- deveriam te dar bons descontos nos lugares, porque vc estimula a gente a conhecer e “vende” super bem!!!-rsrs

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão indicados com *

Connect with Facebook

Publicidade

Facebook